megamillions

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SAÚDE

Estado entrega nova Unidade Regional do Hemopa em Altamira no sudoeste paraense

Novas instalações dobram a capacidade de coleta de sangue e o processamento para distribuição de hemocomponentes na região

Por Helen Alves (HEMOPA)
18/10/2023 14h31

O governo do Pará, por meio da governadora em exercício, Hana Ghassan, e o presidente da Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), Paulo Bezerra, entregaram à população do sudeste paraense, a mais moderna estrutura de hemonúcleo, em Altamira, na manhã desta quarta-feira, 17.

Após nove meses em obras, a unidade regional do Hemopa ganhou mais ambientes, com destaque para a ampliação da sala de coleta e o laboratório da distribuição, além de investimentos em equipamento e mobiliários, totalizando R$ 653 mil em recursos destinados ao prédio.

De acordo com a Fundação Hemopa, de janeiro a setembro 2022, foram realizados 2,2 mil atendimentos a doadores, já de janeiro de a setembro de 2023, foram 2,4 mil atendimentos em coleta de sangue, registrando um aumento de 9% em comparação a 2022. 

Para o presidente da Fundação Hemopa, Paulo Bezera, este mais um grande salto na modernização da Hemorrede no Pará. "Com essa reconstrução, iremos dobrar a capacidade de coleta do sangue e a nossa  previsão é de aumentar em 18% as doações voluntárias. Além disso, vai ser possível dobrar o processamento para distribuição de hemocomponentes na região", esclareceu o gestor.

De acordo com a governadora em exercício, Hana Ghassan, esse é um compromisso com a população paraense. "A reconstrução do Hemopa, com certeza, traz mais qualidade no atendimento e nos serviços prestados em Altamira e aos outros municípios próximos. Essa é uma iniciativa incansável, entregando modernização do Hemopa em todo o estado do Pará".

A agricultora Isabel Silva, que mora em uma comunidade Assurimi, na localidadeda Vila do Mocotó, esteve de passagem pelo centro de Altamira e decidiu ir ao Hemopa. "Eu sempre tive desejo de doar, mas achava que não poderia porque tive malária há uns vinte anos, mas aí os profissionais me explicaram que já estou apta a doar sangue. Então, eu estou muito emocionada por conseguir hoje ajudar a salvar a vida de alguém, porque penso que poderia ser uma pessoa da minha família que estivesse precisando", contou a voluntária.

Com relação ao número de transfusões, o Hemopa realiza a distribuição de bolsas de sangue para 10 hospitais regionais localizados nos municípios de Altamira, Anapu, Brasil Novo, Medicilândia, Pacajá, Porto de Moz, Senador Jose Porfírio e Vitória do Xingu. No período de janeiro a setembro de 2022 foram feitas 2.023 transfusões a pacientes internados e no período de janeiro a setembro de 2023, foram mais de 2,5 mil transfusões realizadas.


Em Altamira, as obras tiveram duração de nove meses, devido as etapas do projeto para manter a rotina de trabalho e coletas de sangue na unidade já em atividade. O hemonúcleo está com uma estrutura totalmente nova incluindo a substituição do telhado e a impermeabilização das calhas e lajes de cobertura. 

A área externa ganhou nova fachada, muro, grade e calçada, guarita e abrigo de resíduos, bem como a criação de um sistema de drenagem da água da chuva.

O prefeito de Altamira, Claudomiro Gomes, destacou a importância desses investimentos para a população. "Isso representa o cuidado com a vida, um espaço reformado com toda a estrutura para atender a todos com conforto e segurança", finalizou o prefeito.

megamillions Mapa do site